quinta-feira, novembro 11, 2010

AGUAS E ÁGUAS




“ E DISSE DEUS: HAJA FIRMAMENTO NO MEIO DAS ÁGUAS E SEPARAÇÃO ENTRE ÁGUAS E ÁGUAS.” (Gênesis 1.6).

Interessante! Separação entre águas e águas...
Neste mundo temos as águas dos mares e as águas dos rios, que por sua vez são formados pelas fontes e seguem para desembocar no mar.
“ TODOS OS RIOS CORREM PARA O MAR, E O MAR NÃO SE ENCHE;” ( Eclesiastes 1.7). O mar não se satisfaz, pense nisso!
Segundo os estudiosos da Bíblia, águas nos falam de povos, nações, pessoas.
Observando as escrituras podemos encontrar como Deus trata com certo tipo de pessoas comparando-as com águas, como por exemplo:
“MAS OS ÍMPIOS SÃO COMO O MAR AGITADO, QUE NÃO SE PODE AQUIETAR, CUJAS ÁGUAS LANÇAM DE SI LAMA E LODO.” (Isaias 57.20).
Veja lá se os ímpios se satisfazem com alguma coisa. Cuidado com essa sua insatisfação...
Este é o quadro da humanidade sem Deus! Preste atenção e veja como vivem as pessoas na terra: agitadas, em sua grande maioria para não dizer em maioria absoluta; quando abrem as suas bocas é somente para murmurar, lamentar, falar palavras torpes, xingamentos, maldições, impropérios, críticas, queixas, e outros pecados da língua, e, como está escrito, só deixam sair de si lama e lodo.
Quantas pessoas têm sido atingidas e maculadas pela lama e pelo lodo que sai da boca dos ímpios! E como disse Jesus:
“... DA ABUNDÂNCIA DO CORAÇÃO FALA A BOCA.” ( Lucas 6.45), tais pessoas têm os seus corações cheios de lama e de lodo. Lugar onde predomina lama e lodo é denominado charco,(poça extensa, mas não profunda, de água estagnada e suja - dicionário de português), e segundo o salmista Deus nos tirou de lá.
“TIROU-ME DE UM LAGO HORRÍVEL, DE UM CHARCO DE LODO...” ( Salmo 40,2).
Todos quantos tiveram a experiência do novo nascimento já não mais estão nesse lugar horrível, mas não somente estão na rocha, como também têm dentro de si “RIOS DE ÁGUA VIVA”, aleluia!
Há uma música cantada por muitos evangélicos que diz “navegar no oceano do Espírito...”; completamente anti-bíblica. Nunca o Amigo Espírito Santo foi comparado a oceano, a mar. Jesus fala dEle como “RIO”, e isto é bem diferente.
“HÁ UM RIO CUJAS CORRENTES ALEGRAM A CIDADE DE DEUS, O SANTUÁRIO DAS MORADAS DO ALTÍSSIMO.” ( Salmo 46.4).
Quem é o santuário de Deus? Portanto, no santuário de Deus há um rio e não um oceano.
O texto de Ezequiel quarenta e sete que fala sobre as águas purificadoras, é usado para comparar com a vida do salvo, de maneira que quando o profeta foi levado pela correnteza, não podendo nadar, ilustra-se com uma vida cheia do Espírito Santo que não mais faz o seu querer, mas é totalmente dependente do Amigo Espírito Santo.
Mas a Palavra também se refere a crentes comparando-os com a onda do mar, ou seja, com água salgada, e isso é muito bom prestarmos atenção.
“... O QUE DUVIDA É SEMELHANTE Á ONDA DO MAR, E AGITADA PELO VENTO...” ( Tiago 1.6).
Os ímpios vivem agitados, como já vimos acima e agora a Bíblia diz que os incrédulos, o que duvida, também vive agitado...
Que crentes somos nós? Tranqüilos como um rio, ou agitados como a onda do mar? (a não ser casos específicos de pessoas com TDAH).
Se exercitarmos a nossa fé e a nossa confiança em Deus podemos viver tranquilamente, na certeza de que o nosso Pai cuida muito bem de tudo em nossa vida e como está escrito:
“... SÓ TU, SENHOR, ME FAZES HABITAR EM SEGURANÇA.” (Salmo 4.8).
Mesmo no meio do povo que se chama pelo Nome do Senhor há separação entre águas e águas, e como!
Há evangélicos que vivem como “mar” e outros que são como “rio”; uns têm em si água salgada; outros têm água doce, aliás, o apóstolo Tiago escreve:
“ACASO PODE A FONTE JORRAR DO MESMO LUGAR O QUE É DOCE O QUE É AMARGO?... TAMPOUCO FONTE DE ÁGUA SALGADA PODE DAR ÁGUA DOCE.” (Tiago 3.11.12).
O que temos jorrado? Que tipo de água sai de nosso interior? Aquilo que falamos tem servido para dessedentar os sedentos? Água do mar não mata a sede de ninguém, pelo contrário, aguça mais a sede...
E segundo o Senhor Jesus vai haver o dia da separação entre joio e trigo e, é certo que também haverá separação entre águas e águas.
Eu quero estar naquele grupo “rio” que tem no seu interior rios de água viva, que fluem água doces, para mitigar a sede dos homens que carecem de beber de Jesus – a fonte de água viva, e você?
Os peregrinos que se dirigem à cidade celestial, o que lá os espera não é o mar, pelo contrário, está escrito:
“VI NOVO CÉU E NOVA TERRA, POIS O PRIMEIRO CÉU E A PRIMEIRA TERRA PASSARAM, E O MAR JÁ NÃO EXISTE.” ( Apocalipse 21.1.).
Para os que gostam muito do mar, quem sabe, vão sentir falta dele (rsrsrsrs).
Na cidade cujo arquiteto é o próprio Deus, o que João viu e escreveu é o seguinte:
“ENTÃO, ME MOSTROU O RIO DA ÁGUA DA VIDA, BRILHANTE COMO CRISTAL, QUE SAI DO TRONO DE DEUS E DO CORDEIRO.” ( Apocalipse 22.1), aleluia!
Lembra do rio de Ezequiel quarenta e sete? “... TUDO VIVERÁ POR ONDE QUER QUE PASSE ESTE RIO.” ( Ezequiel 47.9). Glória a Deus!
Vivamos hoje sentindo os rios fluírem do nosso interior e não águas salgadas.
Rios sim; mares não!
Maranata!

3 comentários:

Lola disse...

Paz do Senhor, minha querida Irmã Lídia.
Que benção ler o que o Amigo coloca no seu coração, Glória ao Senhor! Aleluia!
Eu também quero fazer parte do grupo "rio" até ao dia da vinda do Senhor Jesus!
Eu quero e preciso desse jorrar continuamente de "rios de água viva" no meu interior para a Glória do nosso Deus.
Um grande beijo cheio de saudades, no Amor de Jesus
lola

Lidia Fernandes Da Silva disse...

Lola, minha amiga portuguesa e irmã em Cristo. a paz do Senhor
É bom te-la como leitora daquilo que o Amigo nos dá para escrever neste modesto espaço, para glória de Deus.
Em tudo e por tudo Deus seja louvado.
Um grande abraço com saudades!
a conserva em Cristo Jesus
lidia

Anônimo disse...

Minha amiga, acabo de ler algumas coisas que escreveste.Muito me chamou a atenção "Águas e águas". Aprendi mais alguma coisa contigo.
Bjos de Eliana.