segunda-feira, março 08, 2010


MULHERES QUE PROFESSAM SER PIEDOSAS
“... (COMO É PRÓPRIO ÀS MULHERES QUE PROFESSAM SER PIEDOSAS).” (1 Timóteo 2.10).

O contexto onde está inserido este texto fala sobre mulheres que praticam boas obras, ou melhor, o apóstolo Paulo escrevendo a Timóteo se refere às mulheres falando que as mesmas devem se enfeitar com boas obras.
Já pensou nesse tipo de enfeite? Via de regra, as mulheres gastam muito dinheiro para viverem adornadas, enfeitadas, pois isso exige o uso de boas roupas, calçados finos, jóias caras e sem deixar de cuidar do corpo com cremes, massagens, produtos para manter a pele sempre apresentável, o cabelo também precisa ser bem tratado, enfim. E para isso o dinheiro é quem tem que responder, e como a maioria das mulheres não dispõe de condições para gastar tanto, mesmo assim, dentro do possível, toda mulher quer ficar mais bonita.
Entretanto, a Bíblia nos fala nesse texto que há um tipo de adorno cujo dinheiro não pode comprar, que está diretamente associado a uma vida cheia de amor, do amor de Deus! Esse adorno é próprio às mulheres que professam ser piedosas, portanto, não são muitas as mulheres que o possuem.
Temos na Palavra de Deus um exemplo de mulher que era conhecida por fazer uso desse atavio – Dorcas! Assim está escrito acerca dela:
“HAVIA EM JOPE UMA DISCÍPULA POR NOME TABITA, NOME ESTE QUE, TRADUZIDO, QUER DIZER DORCAS; ERA ELA NOTÁVEL PELAS BOAS OBRAS E ESMOLAS QUE FAZIA.” ( Atos 9.36).
O primeiro destaque para uma mulher ser ataviada com boas obras é que ela tem que ser necessariamente uma discípula de Jesus. E aí a coisa fica mais apertada, pois segundo o próprio Jesus nem todos podem ser considerados seus discípulos a não ser que preencham algumas condições que, sinceramente falando, não são assim tão fáceis, como por exemplo:
“... ABORRECER FAMÍLIA E A PRÓPRIA VIDA... TOMAR A SUA CRUZ E SEGUI-LO...RENUNCIAR A TUDO QUANTO TEM...PERMANECER NA SUAS PALAVRAS... AMAR UNS AOS OUTROS... ( Lucas 1426,27,33; João 8.31, 13.35).
O verdadeiro discípulo de Jesus não é simplesmente o cristão, evangélico ou crente, mas alguém que ama Jesus acima de todas as coisas, é capaz de viver uma vida de renúncia diária, desapegado das coisas materiais, firmado na Palavra de Deus e que demonstre amor para com os irmãos, é fácil? Mas Dorcas era discípula! A única mulher que a Bíblia se refere a ela como discípula, aleluia!
O amor que esta mulher tinha em seu coração a impulsionava a exercitar boas obras e dar esmolas aos necessitados, e como está escrito, o público alvo principal dela eram as viúvas.
Alô! Examinemos nossa vida neste momento e vejamos se estamos adornadas com boas obras como Dorcas estava. Como temos usado o nosso tempo: para Deus, para nós mesmos, ou para os que carecem de amor demonstrando esse amor através das nossas ações?
Infelizmente o egoísmo (vírus luciferiano) tem dominado tantas vidas que se dizem cristão, as quais alegam mil motivos para não exercitar boas obras, especialmente aquelas que exigem do nosso tempo. É mais fácil, talvez, ajudar alguém com o nosso dinheiro, ou daquilo que nos sobra do que sacrificar o tempo em favor de outrem, com toda certeza.
Todavia, como está escrito:
“... SOMOS FEITURA DELE, CRIADOS EM CRISTO JESUS PARA AS BOAS OBRAS, AS QUAIS DEUS DE ANTEMÃO PREPAROU PARA QUE ANDASSEMOS NELAS.” ( Efésios 2.10).
É tempo de repensar o tempo. Quanto tempo tem gastado com o adorno do corpo? Quantas horas em um ambiente para ficarmos mais belas? Será que proporcionalmente estamos de igual modo cuidando de adornar o nosso homem interior no exercício das boas obras?
Dorcas não ficou morta (não daquela vez), por causa do amor daqueles a quem ela tinha investido em boas obras como uma discípula de Jesus!
Se hoje o Senhor nos chamar para a casa do Pai o que deixaremos nas vidas que convivem conosco? Seremos lembrados pelas boas obras que fizemos, pelo amor que transmitimos com sinceridade para com os irmãos?
Amadas irmãs tratemos de nos ataviar com a receita que nos dá a Santa Palavra de Deus, como mulheres que professam exercitar piedade, que segundo as escrituras “é grande fonte de lucro,” ( 1 Timóteo 6.6).
Maranata!

3 comentários:

Julyane - Salvador/Ba disse...

Linda mensagem irmã Lídia!
O Amigo a use mais e mais, nos ensinando de uma maneira tão linda! e clara!, através de cada leitura que fazemos no seu blog!, isso é dom de Deus.
Louvamos a Deus por tua vida, tão preciosa!, em nossas vidas.
Bj, te amo.

Marcia do Rafa disse...

Semana passada conversava justamente sobre o tempo com uma amiga ela me dizia que o tempo é que de mais precioso podemos doar a alguem, e separou um tempo de oração pelos irmãos(a)...É verdade isso, as vezes tenho a impressão de que o tempo ficou mais curto...Trabalhamos 8 horas (esse pelo menos é o meu caso), dormimos 9 em média, acordamos e em 1 hora temos que arrumar o filho, trocar de roupa, tomar café e ir trabalhar os dias que vamos cultuar a Deus então é sacrifício mesmo ou não dar tempo de comer ou não dar tempo de se banhar e por aí vai... Meu Deus preciso administrar melhor o meu tempo... Ai Espirito Santo me ensina!

Lidia Fernandes Da Silva disse...

Querida Márcia Deus te abençoe
Nunca foi tão necessária a ajuda do Amigo Espírito Santo como nos últimos dias.
Tudo é mais prático, os meios de transpotes são rápidos e mesmo assim não há tempo para Deus, se não for com muito esforço.
Que Ele tenha de nós misericórdia!
Um abraço
a conserva
lidia